quinta-feira, 14 de julho de 2016

Deputado quer proibir abate de jegues na região de Jacobina-BA.

O deputado estadual e protetor de animais, Marcell Moraes (PV), repudiou o massacre de jegues ocorrido no município de Miguel Calmon, Centro-norte da Bahia. 

"O que está acontecendo é uma verdadeira matança despropositada. Esses assassinos estão se escondendo atrás de desculpas ridículas como a prevenção de acidentes em rodovias e a tentativa de se evitar a transmissão de zoonoses para justificar um crime bárbaro. Sempre fui contra a exportação de jegues vivos para a China justamente por saber que o abate seria o fim dos animais, logo não vou permitir que essa atrocidade aconteça em meu Estado. Volto a afirmar que esse 'Projegue' é uma verdadeira carnificina e só contará com minha total repugnância", criticou. 

A carne dos cerca de 300 animais que foram abatidos essa semana será usada para consumo animal e o couro será exportado para a China. Até outubro serão dois mil animais sacrificados, a maioria capturada em rodovias estaduais e federais. Marcell Moraes prometeu acionar o Ministério Público para discutir a Portaria nº 255, de junho de 2016, que define os critérios para o abate de equídeos na Bahia. (Fonte: Notícia Livre).
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK