quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Morador do Brejo Grande se desespera ao ver cobra de 3 metros em Miguel Calmon-BA.


Na manhã desta quinta-feira, 18 de agosto de 2016, o cidadão Reginaldo Almeida, vulgo Nanado, teve um encontro nada agradável com uma cobra da espécie Jibóia, de aproximadamente 3 metros.

Nanado diz que passava uma cerca de arame farpado, quando avistou a cobra lhe seguindo. desesperado, Nanado correu pedindo socorro e por pouco não foi atacado pela fera, que esguichava veneno pelos dentes afiados.

O jovem que trabalha em um supermercado no povoado, acabou descobrindo que tem uma doença chamada Ofidiofobia, que é o medo de serpentes, ou cobra.

Nanado diz que só ficou tranquilo depois que moradores conseguiram capturar a cobra, pois estava decidido a nem sair na rua. O Ibama foi acionado e os prepostos Adriano e Márcio levaram a cobra para ser devolvida ao seu habitat natural, distante do desesperado Nanado. (Fonte: Augusto Urgente)

5 comentários:

  1. A jibóia nao e venenosa quem escreveu isso tá mal informado ,à única cobra que esguicha veneno e a naja cuspideira mais nao e originária do Brasil ,se informe antes de escrever.

    ResponderExcluir
  2. A jibóia nao e venenosa quem escreveu isso tá mal informado ,à única cobra que esguicha veneno e a naja cuspideira mais nao e originária do Brasil ,se informe antes de escrever.

    ResponderExcluir
  3. Tem que se informar mesmo...ainda não soube que jibóia corresse atrás de alguém. .Aff

    ResponderExcluir
  4. Tem que se informar mesmo...ainda não soube que jibóia corresse atrás de alguém. .Aff

    ResponderExcluir
  5. Verdade gente. Kkkkkkkkk. Duas informações inverídicas. Resta saber se a história tb é verdadeira.

    ResponderExcluir

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK