quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Oeste da Bahia: Adolescente aguarda há 3 meses por cirurgia em intestino perfurado.


A adolescente Ana Luísa, de 13 anos, enfrenta uma longa espera na fila para realizar uma cirurgia de reconstituição do intestino. A garota foi diagnosticada com duas perfurações no órgão em fevereiro, quando teve apendicite. Ela passou a usar uma bolsa de colostomia enquanto o SUS não libera a cirurgia no Hospital Regional de Juazeiro. 

Ana Luísa declaro à reportagem da Rede Bahia, que às vezes chora porque não pode levar a vida que tinha antes. O local dos ferimentos sangra e ela precisa utilizar roubas folgadas. Segundo o superintendente de Atenção Especializada de Juazeiro, Mário Machado, o município assinou um termo de cooperação técnica com o Hospital Regional e, com isso, as cirurgias encaminhadas pelo SUS, inclusive a de Ana Luísa, devem ser realizadas ainda este mês. “Tudo está programado para que [a cirurgia] aconteça na próxima terça-feira. Se tudo correr bem, e espero que corra bem, a expectativa é de que na terça-feira a gente já resolva o problema desta criança e de outras que por ventura surjam”, afirma.

Um comentário:

  1. ola eu tbm passei por isso qnd nassci eu nasci com o intestino fecadi fui transferido de Irecê pra barreiras e lá em barreiras não tinha medico ai de lá me encaminharao pra Brasília onde fiz td o tratamento e hj tou em em pe firmw e forte.querida deus vai te ajuda a sair desse sofrimento creio q um dia VC vai ter sua vida de volta e pode fazer oq VC mais gosta.tou aqui torcendo por VC firme e forte nessa batalha

    ResponderExcluir

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK