segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Teixeira de Freitas-BA: Jovem de 23 anos salva 6 vidas com doação de órgãos.

A morte não é o fim. Foi essa a premissa utilizada pela família de Kaique Souza Macena, de 23 anos, morto na última sexta-feira, 29 de julho, em Teixeira de Freitas, vítima de aneurisma. Para o próprio, a vida pode está muito além de um corpo em movimento.

Depois de realizados todos os exames para confirmação da morte cerebral, com toda assistência da equipe do Samu, e do Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, junto a equipe da Organização de Procura de órgãos do Extremo Sul (OPO-ES), como de praxe a equipe da OPO abordou a família para possível doação dos órgãos. E a resposta veio de imediato positiva. A família muito solidaria, destacou ainda que o paciente era doador em vida e já havia manifestado seu desejo de doar após a morte.


Para que a vontade de Kaique fosse atendida e mais pessoas pudessem ter uma vida melhor, a partir dos os órgãos do mesmo, uma equipe veio de Salvador na manhã de sábado, 30 de julho, para fazer os procedimentos, no entanto não conseguiu pousar em Teixeira de Freitas, devido ao mal tempo. 

Para que o doador de múltiplos órgãos não ficasse em vão, por ordem do Presidente da República, Michel Temer a Força Aérea Brasileira- FAB disponibiliza aeronaves para ajudar nas captações e transplantes. O avião da FAB conseguiu pousar no aeroporto 9 de maio com uma equipe médica de três profissionais do Rio de Janeiro na madrugada do sábado (30),onde realizaram a captação dos órgãos juntamente com a equipe da OPO e a equipe do centro cirúrgico do HMTF.


A Polícia Militar escoltou toda a equipe durante a madrugada para maior segurança e para que não ocorresse mais nenhum atraso na cirurgia, nem no embarque. Os colaboradores do aeroporto também ficaram a disposição até que o avião decolasse de volta.

Os órgãos de Kaique ajudaram a salvar mais de seis pacientes que aguardavam em fila. Foram doados os seguintes órgãos: córneas, rins, fígado, coração. Sendo o fígado encaminhado ao estado do Rio de Janeiro, e os demais órgãos permaneceram na Bahia reduzindo a fila de espera e a ansiedade por uma vida saudável dos pacientes que aguardam.
Lista de espera na BAHIA
CORNEAS: 1212
FIGADO: 89
RIM: 999
PULMÃO: 1
A EQUIPE DA OPO

A OPO atua em todo o Extremo Sul da Bahia, com sede no Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, com atuação 24 horas por dia. Uma de suas funções é, exatamente, sensibilizar a sociedade para a importância da doação que pode salvar ou garantir a dignidade a muitas pessoas. A equipe do OPO faz o primeiro contato com a família e assim que recebe autorização para a doação, uma equipe médica é enviada para realizar todo o procedimento de retirada e destinação. Os órgãos: coração, rins, fígado e córnea, passam automaticamente para atender às pessoas que estão na lista de espera, cadastro feito estadual e nacionalmente.

O Primeiro Passo:
O paciente manifestar em vida aos familiares o desejo de ser doador, pois na hora da morte são eles que falarão por você. (SulBahia News)
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK