quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Garotas presas com R$ 75 milhões em cocaína viajaram por nove países diferentes nos últimos três meses.

As duas jovens canadenses detidas após tentarem entrar na Austrália com R$ 75 milhões em drogas, viajaram por nove países diferentes nos últimos três meses. Melina Roberge, de 22 anos, e Isabelle Lagacé, de 28, passaram por Inglaterra, Irlanda, Estados Unidos, Bermudas, Colômbia, Equador, Peru, Chile e Polinésia Francesa. 

Em alguns dos países, elas estavam à bordo do luxuoso cruzeiro Sea Princess, onde as drogas foram encontradas. Nas redes sociais, as duas exibiam a vida luxuosa que levavam durante o período. Além das duas canadense, um homem chamado Anre Tamine, de 63 anos, também estava na viagem e foi preso.

A quantidade de droga apreendida com as jovens impressionou as autoridades. "Essa apreensão é uma das maiores que vimos na Austrália", disse Tim Fitzgerald, comandante do policiamento de fronteira do país.

De acordo com o jornal 'Daily Mail', o trio deve começar a ser julgado no próximo dia 26 de outubro. Se condenados, os três podem pegar até prisão perpétua. Consumidores de drogas da Austrália são conhecidos por pagarem altos preços por entorpecentes, afirmou o jornal britânico 'Metro'.









Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK