quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Livramento-BA: Abuso em queima de fogos de artifício virou rotina.

A campanha eleitoral começou em meados do mês de agosto e desde então tem tirado o sossego da comunidade livramentense que não está diretamente envolvida com a campanha dos candidatos. 

É fato que a Justiça Eleitoral juntamente com o Ministério Público trabalhou pela redução dos níveis de poluição visual e sonora durante campanha eleitoral, recebendo elogios por parte da população. Praticamente não se viu abuso por parte dos veículos automotivos de propagandas, os "santinhos" pregados em postes deixaram de existir.

Mas, por outro lado, os fogos de artificio, um dos recursos que vem tirando o sossego da população e dos animais domésticos está sendo usado com força em Livramento de Nosssa Senhora, apesar de ter sido proibido em várias zonas eleitorais.

De segunda-feira (26) pra cá, a poluição sonora por conta dos fogos tomou conta da cidade, a Praça João Marques de Oliveira, no Centro, está sendo o ponto estratégico, cuja frequência da queima desses fogos chega a passar dos limites. Uma moradora, que prefere não se identificar, conta que sofre de pressão alta e mora pertinho da Praça, que o barulho dos fogos chegam a ser ensurdecedor. 

De acordo com especialistas na área de saúde, poluição sonora causada por shows pirotécnicos produzidos pelos fogos de artifícios possuem um potencial de dano que costuma ser subestimado. Segundo o otorrinolaringologista Leonardo Sá, o som de alta intensidade produzido pela pressão das explosões pode causar danos auditivos. “O maior problema é quando os fogos explodem perto de pessoas.

Além da possibilidade de lesões superficiais, áreas vitais podem ser atingidas, como a cabeça e o pescoço, que concentram importantes órgãos dos sentidos, como a visão e a audição”, relata especialista. Fato contraditório a esse cenário é que os candidatos têm como carro-chefe de suas campanhas melhorias para o setor de saúde. (Fonte: L12-Sudoeste)
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK