quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Vídeo: Ônibus quebra e deixa alunos sem ir à escola há mais de uma semana em Alcobaça-BA.

Cerca de 70 estudantes da zona rural de Alcobaça estão sem poder frequentar as aulas desde a semana passada, porque o ônibus escolar que faz o transporte dos alunos quebrou na estrada.
O veículo continua parado no mesmo lugar e os jovens estão preocupados com a situação. A reportagem tentou falar com algum representante da secretaria de educação de Alcobaça, para saber a previsão de conserto do ônibus, mas não conseguiu contato.

O estudante Sávio Queirós mora em Itaitinga I, zona rural da cidade, e está sem ir para escola há sete dias, por falta de transporte. “Boto a roupa, uniforme, venho para o ponto e o ônibus nunca passa. Espero e nada. Vou embora e ninguém avisa se vai passar ou não vai”, reclama.

O aluno Atílio Gaspari também está enfrentando o mesmo problema. Ele diz que não dá pra ir caminhando para escola, porque fica bem longe de casa. “Fica há mais de 15 km. Aí é ruim tem que esperar pelo transporte só que quebra direito”, critica.

O transporte escolar está quebrado no mesmo lugar, no meio desta estrada, desde o dia 12 de setembro, depois que uma das rodas dianteira se soltou, segundo os moradores. Uma marca na estrada mostra que a roda do ônibus se soltou e o transporte só parou uns 30 metros depois. Isso aconteceu a cerca de 1 km do primeiro ponto de ônibus, onde alguns estudantes aguardavam para embarcar. Depois de buscar todos os alunos, o ônibus iria para a BR-101.

Na escola que fica na localidade de Pouso Alegre, as aulas por continuam normalmente. Os alunos que estão impedidos de estudar pela falta de transporte já perderam uma semana de prova. “O perigo é de repetir de ano. É complicado”, reclama o estudante Sávio.

A diretora da escola, Carmelita Silva, diz que os alunos não devem sem prejudicados. “Aqueles que estão faltando por causa do transporte a gente tem uma programação para que, quando normalizar o transporte, a gente dar continuidade com os que estão vindo e voltar o conteúdo para os que estão perdendo aula”, explica. (Informações: G1 BA e TV Santa Cruz) Vídeo abaixo:




Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK