sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Barrocas-BA: Aos 91 anos aposentado segue pedalando sua Monark; “Se não fosse essa bicicleta eu já tava todo entrevado..."

Exemplo de disposição, aos 91 anos aposentado pedala vários quilômetros por dia e ao chegar no destino, sua propriedade rural, cuida dos animais, das plantações e mantém às cercas conservadas. 

O senhor Francisco Daniel de Oliveira, 91 anos, conhecido como “Ioiô”, morador do Povoado de São Miguel do Ouricuri, Zona Rural de Barrocas, nasceu na Fazenda Lagoa do Velho no ano de 1925, trabalhou 30 anos como Inspetor quando o ainda distrito de Barrocas fazia parte do município de Serrinha. 

O aposentado apesar dos 91 anos, segue em atividade, e mantém algumas das suas paixões, todos os dias vai à roça e usa como meio de locomoção a sua bicicleta marca monark, modelo barra circular. 

 Familiares lembram que durante cerca de 50 anos o senhor Francisco ia do Povoado até a sede do município pedalando, hoje ele já não vai à cidade, mas pedala 7 km por dia entre sua residência no povoado e sua propriedade rural localizada na comunidade de Caldeirão Grande, ao chegar no local ele cuida de sua criação de gado, limpa a plantação e faz reparos no cercado.

Seu Ioiô afirmou que chega a dá 3 viagens ou mais por dia em sua propriedade. Ele lembrou das bicicletas que já possuiu desde os 41 anos até hoje, e afirmou que em certa ocasião comprou uma motocicleta, mas não gostou tanto quando gosta das bicicletas, por isso logo logo voltou a pedalar. 

O aposentado falou ainda do cuidado que tem com o transporte; “Do tempo que eu pedalo nesse percurso da fazenda para casa usei duas bicicletas, e todas eu mantive com um bom cuidado, sempre fazia uma manutenção, trocava um pneu, ajeitava o freio, e assim vai, e essa que uso já está perto de trocar, preciso comprar outra. Eu cheguei a comprar uma moto certa época mais não gostei, e voltei com a minha monark”. 

"Eu cheguei a comprar uma moto mais não gostei, e voltei com a minha monark"

Com todo esse vigor e gosto pelas pedaladas, ele até brincou que isso o ajuda a manter a forma, também contou sobre os trabalhos que realiza na fazenda; “se não fosse essa bicicleta eu já tava todo entrevado, ainda passando uns dias plantei e limpei sozinho duas tarefas de terra e terminei uma cerca revelou para em seguida da mais um exemplo de disposição; “até quando eu aguentar estarei na luta”. 

Fonte: @ Nossa Voz da Redação por: Milena Araújo
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK