terça-feira, 25 de outubro de 2016

Mundo: A verdade sobre o menino apelidado de “Olhos de Safira”

O registro fotográfico de Vanessa Bristow publicado na revista Africa Geographic repercutiu com uma série de comentários afirmando que a foto, certamente, estava manipulada. No site da publicação, as pessoas se manifestaram em tom de revolta como se a combinação de uma pele negra e olhos inacreditavelmente azuis fosse uma espécie de ofensa. A fotografa falou sobre o assunto: 

“A maioria das pessoas chegaram à conclusão imediata de que a foto era uma farsa! Espanta-me como primeira reação da maioria das pessoas dar um tom negativo para a foto. Eu não tenho certeza sobre o que qualifica se uma imagem é real ou adulterada, mas muitos comentários faziam afirmações que ela tinha passado pelo Photoshop”. Bristow precisou marcar uma coletiva de imprensa para dar uma explicação oficial sobre a foto: “A todos vocês que desconfiam que a fotografia é falsa, saibam: não é photoshopada! Tenho amigos e parentes que são negros e tem olhos azuis.

 O que as pessoas esquecem é que o continente africano é o berço da humanidade e o local onde os genes se misturaram e diversificaram no mundo. Eu estava falando com uma mulher e seu filho brincava com seus irmãos e amigos próximos. Eu perguntei se poderia fotografá-lo e, possivelmente, ele ficou curioso por seu primeiro contato com uma mulher branca e seu fascínio em mim e pela câmera, que nunca havia visto na vida; isso era evidente. Após revelar as fotos, apresentei-as para um amigo oftalmologista”, disse. O oftalmologista explicou o parece médico. “A imagem do menino de pele negra e olhos azuis, provavelmente representa um Albinismo Ocular ou Uveíte Juvenil, ambas fazem a melanina da íris tornar-se menos densa”. O garoto mora no Zimbábue e se chama Theuns. 

Foto: Reprodução / Vanessa Bristow
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK