quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Nasa detecta misteriosas bolas espaciais de fogo de origem desconhecida

As monstruosas bolas de plasma fundido estão a 1.200 anos-luz da Terra. Dada a velocidade em que viajam, poderiam chegar da Terra à Lua em apenas meia hora. 

Os pesquisadores que observaram estrelas em extinção com o telescópio desde 1990 encontraram essas bolas gigantes, que são duas vezes maiores que Marte e possuem uma temperatura muito superior à do Sol. Teoricamente, elas teriam se alimentado da estrela V Hydrae, a qual os cientistas estudaram por oito anos. 

Apesar da grande descoberta, os especialistas não conseguiram descobrir a origem dessas esferas. No entanto, criaram uma hipótese na qual elas teriam sido expulsas por estrelas que giram na órbita de uma enorme estrela vermelha e seriam parte de uma chuva estelar que ocorre a cada oito anos e meio.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK