quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Barreiras: Família acusa hospital de retirar rim errado de criança de 7 anos.

Diagnosticada com pedras nos rins, e após o rim esquerdo parar, Clara Monique, de 7 anos, passou por uma cirurgia, para retirar o rim esquerdo que estava com problema. Segundo Jesivania tia da garota, a equipe médica do Hospital em Barreiras, retirou o órgão do lado direito.

A tia e a família que moram em Luis Eduardo Magalhães, falam em erro médico. A família acionou o Conselho Tutelar que já enviou um relatório do caso ao Ministério Público para analisar a situação. Segundo a Conselheira Celma, o Ministério Público estará pedindo um Laudo ao Hospital denunciado e o caso será apurado.

A família e o Conselho Tutelar que está acompanhado o caso esperam que o Estado resolva rapidamente a situação se realmente houve erro.

A criança está bastante inchada e precisa rapidamente ser transferida para o Hospital na Capital Baiana, segundo a família.

O procedimento cirúrgico foi feito no dia 17/10 do ano corrente. A criança foi transferida rapidamente em estado grave para o Hospital Estadual da Criança em Feira de Santana de UTI aérea, aonde aguarda o laudo do Hospital pra ser transferida para Salvador-BA. A mesma está com a mãe no Hospital.

"Não é justo que Clara perca a vida por um erro médico, a família temem que a criança morra" disse a tia ao repórter do Blogbraga.



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK