Anuncio

Uma professora do município de Carinhanha, no Oeste da Bahia, foi supostamente vítima de ataques racistas nesta segunda-feira (10), na sua conta pessoal do Fecebook. O homem identificado por José Carlos Lopes de 60 anos, disse em sua publicação que o cabelo da professora Magda Lima de 41 anos, é de “pinxoim”.

Utilizando de termos pejorativos, o homem que é natural de Bom Jesus da Lapa, disse que sentia nojo dos cabelos. Ele comparou o cabelo da docente com o da cantora Elza Soares, afirmando que seu penteado estava ultrapassado e que a forma do cabelo dela era “coisa de quem não gosta de pentear o pinxoim”. O Movimento Afrodescendentes de São Paulo manifestou apoio a professora e abraçou a causa para denunciar o suposto racista.

Fonte: folhadovale.net

Postar um comentário

Pesquisar este blog

 
Top