Anuncio

Uma travesti teve morte cerebral confirmada nesta terça-feira (25) depois de ser atropelada em Várzea Grande, região de Cuiabá, no Mato Grosso. Natalia Pimentel, 22 anos, como era conhecida, foi atropelada de modo intencional por um homem que queria pagar R$ 17 por um programa com ela, segundo testemunhas. Natalia estava com uma amiga fazendo ponto na rua quando se negou a fazer o programa com o suspeito.
O crime foi no domingo. A amiga contou que ela e Natalia trabalhavam na rua quando um homem se aproximou dirigindo um carro. Ele queria pagar R$ 17 pelo programa, mas nenhuma das duas aceitou a oferta. As amigas então atravessaram a rua para se afastar do homem, que então acelerou de propósito e atropelou Natalia. A vítima chegou a ser socorrido para um pronto socorro pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), recebendo os primeiros socorros. Contudo, Natalia foi piorando e teve morte cerebral confirmada ontem.
Após 24h da confirmação da morte cerebral, os aparelhos são desligados. O caso é investigado pela Polícia Civil da cidade.

Postar um comentário

Pesquisar este blog

 
Top