Anuncio

Um ditado popular, muito antigo, diz que filho de peixe peixinho é. Está carimbado. Paramirim agora tem mais uma atração automobilística a curtir. Não se trata de uma Hilux nem tão pouco de um Maybach Landaulet, últimos modelos, mas de uma Ferrari de verdade, ou melhor quase de verdade.

No final da década de 80, o ferreiro José Félix dos Santos, mais conhecido por Zé de Chico, criou um produto híbrido que ficou conhecido na cidade como o avião de Zé de Chico Ferreiro. Isto mesmo, um teco-teco, com motor de Volkswagen para dois ocupantes. Um fuscão alado, que após algum tempo foi vendido para um certo cidadão de Bom Jesus da Lapa, que ainda o tem no rol de seus pertences, com muita exclusividade, certamente.

Agora chegou a vez do filho fazer algo mais extraordinário ainda, uma Ferrari de fundo de quintal, daquelas de dar água na boca em qualquer colecionador, não só pela aparência, mas sobretudo pelos meios percorridos para construí-la.

Nesse último domingo (O6), ainda em fase de teste, chegou o dia da vermelhinha desfilar por alguns instantes pelas ruas de Paramirim, atraindo a atenção dos observadores que perplexos, de longe gritavam: " olhe lá uma Ferrari, cara!" Nesse embalo, aos poucos a cidade vai tomando conhecimento da invenção e o seu Idealizador se tornando famoso no campo da criatividade, para orgulho nosso, é claro.


Geovane Félix Ramos Santos, mais conhecido por Geo é o nome do Enzo Anselmo Paramirinhense. Trabalha de auxiliar de cabeleireiro no Salão Moda Jovem, tem 23 anos, casado, Virginiano, profissão serralheiro como o pai, principal característica psicológica humildade acima de tudo.

É meu irmão! Não fique aí pensando que Geo é dono de uma só invenção. O cara é fera mesmo, como bem prova outras " máquinas " por ele criadas ou adaptadas. Mato gigante com motor de fusca e assim por diante. Tudo isso sem muita badalação, usando a chamada tecnologia da escassez e a força do seu gênio inventivo para ajustar e adaptar o que for preciso, inclusive peças e acessórios já transformados em sucata ou por ele próprio moldadas.

Para quem entende de veículos, sabe que a Ferrari é um dos carros mais caros do mundo, tem diversos modelos, conforto, segurança e estabilidade não lhe faltam. Sua fábrica localiza-se na cidade italiana de Maramello, província de Modena, fundada em 18 de fevereiro de 1898 pelo engenheiro Enzo Anselmo Ferrari. Cada veículo desta marca custa em média R$ 1.500,000,00.

Não pensem, entretanto, os senhores, que Geovane é um milionário nessa área. Sua invenção lhe custou, fora mão de obra, menos de dez mil reais. O revestimento interno e estofados ficaram por conta de uma capotaria também de fundo de quintal, sendo o jogo de rodas aros 17 construído na sua improvisada oficina. Tudo na Ferrari de Geo é um pouco de cada coisa. Lataria de ônibus, motor de moto, caixa de marcha de Gol e volante de Fusca. O resto, ora o resto, é só curtição, diz o jovem serralheiro, feliz da vida. (Paramirim Eventos)


Postar um comentário

  1. Presta atenção em minhas frases. Menos de 90 dias esse cara está famoso nu mundo de 4 rodas.

    ResponderExcluir

 
Top