Anuncio

Uma estudante de radiologia foi encontrada com sinais de violência, na manhã desta segunda-feira (14), em um matagal no bairro do Timbi, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. A jovem de 19 anos estava desaparecida desde a manhã do último sábado (12), quando saiu de casa para uma suposta entrevista de emprego em uma academia.

A mulher, que foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros, apresentava escoriações e queimaduras em todo o corpo, além de um corte profundo no pescoço. Ela foi socorrida e levada ao Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, na área Central do Recife, onde passou por diversos exames, além de uma cirurgia para a reconstrução do pescoço. 

O estado de saúde é considerado estável e a estudante, que está sedada, permanece na sala de recuperação. O cunhado da vítima, José Diniz, de 53 anos, informou que a jovem foi abordada por um homem, na última sexta-feira (11), quando chegava no curso técnico. "O homem ofereceu um trabalho de recepcionista para ela. Ele disse que ela era bonita, alta e que poderia trabalhar em uma academia no bairro de Boa Viagem", comentou o cunhado.

José Diniz informou que o homem marcou de encontrar com a jovem, no sábado (12), às 10h, em frente à Prefeitura de Camaragibe. "Ele disse que ela fosse para entrevista usando roupa de malhar", comentou. No dia do desaparecimento, o cunhado informou que ela acordou cedo e informou para a mãe que estava indo para a entrevista de emprego. 

"Ela juntou todos os documentos, como carteira de trabalho e identidade, e ligou, do telefone da mãe, para o rapaz ", disse o cunhado. Os familiares começaram a ficar preocupados quando a jovem não retornou para a casa e chegaram a ligar para o homem que teria oferecido a proposta de emprego. O homem, que se apresentou como Riquinho, disse que não encontrou a jovem e depois não atendeu às ligações.

Buscas foram feitas no Instituto Médico Legal (IML), em hospitais da região, no HR e em delegacias. Os familiares fizeram uma publicação no Facebook para tentar localizar a jovem. Eles informaram que outras mulheres informaram, na publicação, que foram abordadas pelo mesmo homem, que usava uma calça jeans preta, camisa vermelha e sandálias Havaianas de cor azul.

"Ele tem 1,68m, branco, cabelo liso castanho escuro, aparenta ter entre 25 e 30 anos, rosto com espinhas e dentes salientes", diz trecho da nota. publicação. Somente nesta segunda a jovem foi encontrada e, imediatamente, levada para o Hospital da Restauração. (Fonte: Folha PE)

Postar um comentário

Pesquisar este blog

 
Top