Anuncio

A Direção da Maternidade Municipal de Juazeiro baseada no princípio do controle social e respeitando o princípio da transparência que norteia as nossas ações comunica que ocorreu um óbito perinatal no plantão desta quinta-feira durante o dia, em 31 de Agosto.

Registramos aqui que antes de tudo nos solidarizamos e nos colocamos à disposição da família neste momento de pesar. Ressaltamos que o fato relatado ou episódios semelhantes jamais serão encarados como dado estatístico, “mais um número” ou uma “fatalidade”, haja vista envolverem pessoas em um momento especial das suas vidas e que tem um desfecho trágico em relação ao planejamento que é feito para todo e qualquer nascimento.

Ressaltamos também, que assim como para os casos recentemente noticiados na mídia, medidas foram tomadas e mais ações serão somadas no intuito de fortalecer a nossa instituição: Profissionais envolvidos e responsabilizados passarão por requalificação ou serão afastados- comprovada imperícia no exercício das suas atribuições; Ampliação das equipes de Enfermeiros e Médicos Obstetras;Readequação do Centro Cirúrgico da Maternidade; Treinamento em serviço com atualização e discussão do Protocolo da Maternidade;

Ações integrativas com a Atenção Básica, aproximando a maternidade das equipes da Estratégia de Saúde da Família e fortalecendo a potencialidade do pré-natal na identificação dos problemas que podem contribuir para o resultado desfavorável na gestação e no parto;

Lançamento do Programa Mãe Sertaneja, estimulando a integralidade e a promoção à Saúde no Pré-natal e nos primeiros anos da infância.

Estas e outras ações estão sendo executadas de modo a tentarmos 
readequar a Maternidade ao desafio de mantermos um serviço custeado com recursos próprios do município, porém, que tem atendido a toda uma região que abrange 53 cidades, com atuação verdadeiramente regional para o Vale do São Francisco.

Lembramos que a Maternidade é uma verdadeira conquista e um patrimônio das famílias de Juazeiro, sendo esta luta de todos, já que não deveria haver lados distintos quando queremos a mesma coisa: um sistema de saúde digno da grandeza da nossa gente. Editor : Lailson Silva // Vale em Foco

Postar um comentário

Pesquisar este blog

 
Top