Anuncio

Um homem de 32 anos foi preso na manhã desta sexta-feira (22), em Itambé, sob suspeita de sequestro de uma menina de 14 anos, na cidade de São Felix do Coribe, distante 616 km da capital baiana. A prisão aconteceu ás 11:15h, pelo agente da Polícia Civil Paulo Rucas e a GCM, após ser alertado em ligação anônima, sobre o suspeito, que havia acabado de abastecer o carro, um veículo Fiat Palio ELX, placa JHI-8681, da cidade de São Felix do Coribe/Ba, no Posto São Sebastião.

Ele apresentava atitude suspeita, com uma menina no banco de traz do carro, procurando por informações, sobre a distância entre Itambé e a cidade de Gandu/BA. A polícia e Guardas municipais interceptaram o carro na BA-263, logo após sair do posto de combustíveis, sentido a Itapetinga. Durante a abordagem, o condutor Maciel Oliveira de Farias informou à polícia que a menor, identificada como sendo Giovana Calixto de Souza, de 14 anos, seria sua filha legitima e que estava indo a cidade de Gandu visitar uma tia, informação que não convenceu o policial.

Em estado de choque, a menina disse à polícia que ela havia sido sequestrada por Maciel, na manhã do dia anterior, quinta 21, na cidade de São Felix do Coribe, quando estava indo para escola.

A menina informou ainda que foi forçada a entrar no carro por um casal de irmãos, identificado apenas pelos prenomes de “Galego e Alice”, que desceram do carro em uma localidade conhecida como Povoado do Coribe, próximo a cidade de Jaborandi/BA, logo após o sequestro. Segundo apurou a polícia, o casal receberia o valor de R$ 4.000,00 por sua participação no crime.

Em depoimento, a vítima disse à polícia que Maciel a forçara ter relações sexuais com ele, mas, ela relutou e o fato não foi consumado. As autoridades policiais da cidade de São Felix do Coribe informou à policia de Itambé, que o suspeito já responde por estupro de vulnerável naquela comarca. Diante dos fatos, Maciel foi preso em flagrante e está à disposição da autoridade policial na DT de Itambé. O conselho Tutelar foi acionado para tomar as medidas cabíveis, para garantir a integridade da Adolescente e providenciar junto a assistência social do município o seu retorno a cidade de origem, para o seio da família. As informações são do Blog Itambé Agora.


Postar um comentário

 
Top