Simões Filho-BA: Garota de 16 anos morre após ser espancada com chutes e murros pelo namorado. - Blog Macaubense Life

AGORA

Post Top Ad

domingo, 12 de novembro de 2017

Simões Filho-BA: Garota de 16 anos morre após ser espancada com chutes e murros pelo namorado.


A adolescente Stephany Sena dos Santos, de 16 anos, moradora de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), morreu depois de ser agredida com socos e pontapés. O principal suspeito do crime, segundo a Polícia Civil, é o seu namorado, Guilhermo do Carmo Miguel, 18 anos. Ele foi preso nesta sexta-feira (10/11), por agentes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Segundo as investigações da Polícia Civil, Stephany e Guilhermo, que tinham um relacionamento a quatro meses, brigavam constantemente, e na última segunda-feira (06/11), teve mais uma discussão, onde Guilhermo morava. Depois de ser agredida com vários socos e pontapés do namorado, conta ainda a polícia, Stephany retornou para casa, em Simões Filho, onde se queixou familiares apenas de dor de dente.

Com o maxilar inchado, a jovem buscou atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA CIA), de Simões Filho, na última terça-feira (07/11), de onde foi encaminhada para o Hospital Geral do Estado (HGE) com hemorragia interna em decorrência da violência sofrida. Nesta quinta-feira (09/11), Stephany teve uma parada cardiorrespiratória e veio a óbito.

Um dia antes de sua morte, Stephany usou seu perfil no Facebook para fazer um desabafo. “Tou tão triste por que quem eu amo foi capaz de me magoar profundamente e ainda me dar um murro tão forte que fez meu rosto fica inchado e de partir a minha mandíbula. Não bastando apenas sofrer pelas coisas que eu descobri dele, agora tou sofrendo mais ainda porque eu vou ter que fazer uma cirurgia, estou internada esperando achar alguma vaga em hospital”, escreveu ela, postando uma foto mostrando o rosto inchado.


Stephany postou foto no Facebook comentando agressão um dia antes de morrer. Stephany morava com seus pais no Bairro de Mapele, em Simões Filho | (Foto: Reprodução)

Na tarde desta sexta-feira (10/11), investigadores do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), realizaram a prisão Guilhermo. Em depoimento prestado ao delegado Guilherme Machado, coordenador da 2ª Delegacia de Homicídios (2ª DH/Central), o jovem disse que agiu em legítima defesa. “Ele afirma que ela sempre discutia por ciúmes e que Stephany teria começado com as agressões, por isso ele teria revidado”, contou o delegado.

Guilhermo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para passará por exame médico. No final de semana, ele será encaminhado à audiência de custódia. “Nós já estamos solicitando ao juiz um mandado de prisão preventiva contra ele, para mantê-lo preso”, finalizou o delegado. [Fonte: Site Simões Filho Online]


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas do Blog