Sudoeste baiano: Acidente fatal mata casal na BA-148, que liga Seabra a Boninal. - Blog Macaubense Life

AGORA

Post Top Ad

sábado, 25 de novembro de 2017

Sudoeste baiano: Acidente fatal mata casal na BA-148, que liga Seabra a Boninal.


Nesta sexta (24), por volta das 18:00 horas a Polícia Militar foi informada por populares sobre a ocorrência de acidente na Ba 148, na entrada do Povoado de Alagadiço (Seabra-Ba). 

Ao chegar no local, foi confirmado o acidente, e constatado que havia duas vítimas fatais as quais estavam em uma Motocicleta Yamaha, 125 cc, cor vermelha e foram atingidos por uma Ford Ranger XL, cor prata. As vítimas eram marido e mulher e morreram instantaneamente no local. O motorista da Ranger, um médico da Região, natural de Barra da Estiva, permaneceu no local até a chegada da Polícia.

Segundo informações, o motorista da Ranger vinha pela rodovia e não teve tempo de frear nem desviar, pois a moto atravessou “de surpresa” em sua frente, em alta velocidade, na contramão e veio a colidir de frente com sua caminhonete. O médico além de permanecer no local, compareceu espontaneamente à Delegacia de Polícia Civil e deu seu depoimento. A Polícia Militar compareceu no local dos fatos e fez a ocorrência. Agora deve-se aguardar as apurações dos fatos.Marivam e Vieira/Foto:Reprodução/Facebook

O casal eram moradores do Povoado de Duas Barras, município de Seabra, a mulher era a professora do município e estudante da Uneb Marivan Francisca Guimarães e o marido Antonio Vieira Filho, conhecido como Vieira, de 50 anos. Ambos estavam na sede da cidade em evento profissional da mulher. O marido veio até a sede da cidade para buscar a esposa, como costumeiramente fazia, e retornava ao lar quando sofreram o acidente. Ambos deixam duas filhas, ambas casadas, e muitas saudades!

Seria esse mais um acidente dos buracos? Vale ressaltar que este não é o primeiro acidente ocorrido na Rodovia Ba 148 este ano. Vários acidentes já foram relatados, muitos com vítimas fatais, e continuamos a questionar? Se a rodovia não estive em situação tão precária, com tantos buracos, em toda sua extensão, tais acidentes não poderiam ser evitados? [Chapada News]

Nenhum comentário:

Postar um comentário