Guanambi-BA: Homem morre, após ser espancado e esfaqueado durante briga em bar, autores são presos. - MACAUBENSE LIFE

Agora

domingo, 29 de julho de 2018

Guanambi-BA: Homem morre, após ser espancado e esfaqueado durante briga em bar, autores são presos.


Um homem, identificado como Robério Guilhermino da Silva, de 44 anos de idade, morreu na madrugada deste domingo (29/7), após ser espancado e esfaqueado, durante uma confusão registrada por volta das 22h30 deste sábado (28/7), dentro de um bar, situado na rua Ulisses Guimarães, no bairro São Sebastião, em Guanambi (BA).



De acordo com informações obtidas pelo Portal Vilson Nunes, a vítima chegou a ser socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) para a emergência do Hospital Regional de Guanambi (HRG), onde passou por procedimento cirúrgico, no entanto, devido aos graves ferimentos não resistiu e morreu por volta das 3h30. Na confusão, o dono do estabelecimento, identificado como Carlos Pereira de Jesus Dias, de 30 anos de idade, também foi atingido por arma branca. Ele recebeu atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (Upa 24h) e não corre risco de morte.Uma guarnição da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) do 17º BPM chegou rapidamente ao local e prendeu os autores do crime em flagrante nas proximidades do bairro. Conforme a PM, os irmãos Cleiton Santos da Conceição, de 29 anos de idade e Jamilton Santos da Conceição, de 25 anos de idade, residentes na fazenda Cumbico, zona rural de Guanambi são os responsáveis pela morte de Robério, que residia na rua Leonor Pereira de Oliveira, no bairro Belo Horizonte, no referido município.

A motivação da briga ainda não foi informada, mas segundo a polícia, os envolvidos estavam em visível estado de embriaguez alcoólica. As armas utilizadas: um pedaço de tábua e uma faca sem cabo enferrujada foram apreendidos e apresentados na Delegacia Territorial de Guanambi. O corpo da vítima fatal foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi, onde foram constatados diversos ferimentos na cabeça provocados por pauladas e três perfurações de faca.Os detidos foram flagranteados por homicídio qualificado, em inquérito presidido pelo delegado plantonista Dr. Rhudson Silva Barcelos. Ambos permanecem presos à disposição da justiça.


Nenhum comentário:

Postar um comentário