PSL oficializa candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência do Brasil nas eleições 2018. - MACAUBENSE LIFE

Agora

domingo, 22 de julho de 2018

PSL oficializa candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência do Brasil nas eleições 2018.


O PSL (Partido Social Liberal) lançou neste domingo (22), em convenção no Rio de Janeiro, a candidatura do deputado federal e capitão da reserva Jair Bolsonaro à Presidência da República, mas ainda não definiu quem ocupará a cadeira de vice na chapa. O candidato se emocionou no evento, fez um discurso com aceno às mulheres -- fatia do eleitorado onde tem menos aceitação --, criticou a esquerda, a imprensa e disse ser um "patinho feio" nas eleições.

"Eu sou o patinho feio nessa história, mas que tenho certeza: seremos bonitos brevemente", declarou.

Segundo ele, "o que está em jogo nesse momento que se aproxima é o destino dessa grande nação chamada Brasil". Ele também diz que vem causando "desconforto naquilo que chamam de establishment", disse.

O discurso foi recheado de críticas ao PT e aos adversários, como o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB). "Quero agradecer Geraldo Alckmin por ter juntado a nata do que há de pior no Brasil ao seu lado", disse, sobre as alianças do tucano com o "centrão".

Bolsonaro foi recebido com festa no salão principal do Centro de Convenções Sul-América, na região central do Rio. O candidato do PSL compôs a mesa junto aos três nomes que já foram cotados para vice em sua chapa: Janaina Paschoal (PSL), Magno Malta (PR) e general Heleno (PRP). A convenção começou com a execução do hino nacional, momento em que Bolsonaro chorou.

Durante o discurso, Bolsonaro disse ter decidido lançar sua candidatura pensando em um "Brasil melhor" para a sua filha de 7 anos, Laura, e para "todas as crianças do país". Declarou ainda que considera importante o papel da mulher na sociedade. "Elas são em grande parte responsáveis pela educação das crianças do nosso Brasil. Elas têm um senso de responsabilidade muito maior do que eu."

O agora candidato à Presidência reclamou que, "muitas vezes, tentam jogá-lo cada vez mais contra as mulheres". "Todos nós viemos de um ventre de uma mulher. Sequer teríamos nascido se não fosse pelo amor delas."

Bolsonaro afirmou que foi "montando seu exército" ao longo do tempo, com as viagens pelo Brasil, e que a "caçula da turma" é a advogada Janaina Paschoal, cotada para vice. Ele ressaltou que Janaina "não tem nenhuma idolatria ou seja lá o que for no tocante" ao seu nome. "O compromisso dela é com o Brasil", declarou.

O pré-candidato também mencionou a presença do ator Alexandre Frota, que protagonizou filmes pornô, entre os apoiadores presentes na convenção. "Me perguntam: 'Pô, mas esse cara?'. 'Esse cara, sim!'. Quantas coisas que fizemos no passado e hoje não faríamos. Nós evoluímos e mudamos algumas coisas."

Nenhum comentário:

Postar um comentário