Macaúbas-BA: Colégio Estadual de referência na região corre risco de ser fechado. - MACAUBENSE LIFE

Agora

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Macaúbas-BA: Colégio Estadual de referência na região corre risco de ser fechado.


"De acordo com informações oficiais da própria escola, o estabelecimento poderá ser fechado a qualquer momento e os alunos serão remanejados para outro colégio e assim estará sepultada a identidade da tão querida e tradicional escola José Batista da Mota. No momento do contato com a direção da escola ,o clima era tenso e preocupante. 
A tristeza e o desalento tomou conta de todo ambiente, além do abalo emocional dos professores e da diretoria, todos se referiam sobre a importância da José Batista para educação de Macaúbas, considerada uma referencia em ensino na região. 
Neste momento triste para a população de Macaúbas que assisti o fechamento de mais uma escola é aconselhável que os pais, procurem a secretaria da escola, a câmara de vereadores ou o executivo para obter as informações necessárias.

Dos amigos da escola,espera-se solidariedade na luta para tentar reverter essa decisão do governo do estado, que se confirmada estará retribuindo com tremenda ingratidão a expressiva votação que obteve em Macaúbas para o governador" segundo o comunicador Osvaldo Oliveira.



Após as primeiras notícias tomarem conta das redes sociais sobre o suposto fechamento ou agregação do Colégio José Batista da Mota às estruturas do CETEP, vereadores foram convidados a participarem de uma reunião extraoficial nas dependências do Colégio, estando lá presentes a direção de escola Sra. Leia Oliveira, professorares e aluns pais, bem como os vereadores Anderson Gumes, presidente da Câmara, Márcia Benda, Maxuel, Té Oliveira, Carlinhos de Antero e Ié de Contendas. Em clima tenso, foram abordadas as ações que poderiam ser tomadas para reverter a situação que apesar de ter poucas informações oficiais sobre o caso, onde foi dito que seria um “reordenamento”.


Anderson Gumes, disse que iria mobilizar os deputados que tiveram votos em Macaúbas, informando que no dia 04 de novembro eles estariam no município, disse também que poderia ser feito um documento, uma petição pública e levada até ao Governo do Estado, que após sua apreciação, poderia reverter a situação ou ter uma mediação para que se preservasse o bom senso e o que melhor for para a qualidade da educação. 
A diretora do Colégio, se diz preocupada, visto que vem sofrendo pressão de alunos e pais pela manutenção da escola e que professores estão também sem orientação. Entre outras colocações, foi decidido um apelo e mais informações junto ao Corpo Técnico da Secretaria da Educação, segundo o blogueiro Alécio Brandão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário