Mãe gritava por socorro quando foi morta com mais de 30 facadas pelo próprio filho. - MACAUBENSE LIFE

Agora

domingo, 14 de outubro de 2018

Mãe gritava por socorro quando foi morta com mais de 30 facadas pelo próprio filho.


Uma mulher de 53 anos foi morta a facadas na madrugada deste domingo (14), em Itápolis (SP).De acordo com a Polícia Militar, vizinhos da vítima pediram ajuda quando ouviram a mulher gritando por socorro. Quando chegaram ao local, os policiais arrombaram a porta e encontraram Luzia Oraveis caída no chão, com ferimentos de faca. Foram de 30 a 35 golpes, segundo a PM.

Ela chegou a ser socorrida, mas chegou sem vida no hospital. O filho da vítima, de 20 anos, foi preso horas depois no imóvel e é considerado suspeito do crime. Ainda segundo a PM, ele estava escondido no telhado da casa e debaixo da cama do rapaz foram apreendidos 287 pinos de cocaína. Leonardo Oraveis foi levado à delegacia e preso em flagrante.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jaboticabal e já foi liberado para enterro na manhã de segunda-feira em Itápolis. O rapaz está detido na delegacia de Ibitinga e irá passar por audiência de custódia. O motivo do crime será investigado pela Polícia Civil. Conforme a PM, o jovem não tem passagens por crimes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário