Em Simões Filho-BA marido e mulher são assassinados com diversos tiros. - MACAUBENSE LIFE

Agora

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Em Simões Filho-BA marido e mulher são assassinados com diversos tiros.


As primeiras horas do final de semana começaram violentas no município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Depois de algum tempo sem registros de homicídios na zona urbana da cidade, ao último dia do mês de novembro, em menos de cinco horas, registrou três assassinatos.


Entre as ocorrências, está um duplo homicídio registrado na manhã desta sexta-feira (30/11). Marido e mulher foram mortos com vários disparos de arma de fogo, próximo a Escola Vale de Sião, localizada no bairro Ilha de São João.

De acordo com a assessoria de comunicação da 22ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) as vítimas foram identificadas como Alisson Santos Ferreira, de 32 anos e Mércia Santos Teles, de 24 anos.

SEM PIEDADE
Segundo informações, o casal estava em uma motocicleta, e havia acabado de chegar nas proximidades da unidade escolar Vale de Sião onde Mércia trabalhava, quando foram surpreendidos por quatro homens encapuzados a bordo de um carro.

Os suspeitos dispararam diversos tiros contra o casal ainda de dentro do veículo. O primeiro a ser alvejado foi o marido, sua esposa tentou correr, mas logo em seguida também foi atingida. As vítimas vieram a óbito ainda no local. Já os criminosos fugiram sem deixar pistas.

Conforme relatos de testemunhas, era de costume que Alisson levasse sua esposa todas as manhãs até a porta da escola, onde ela trabalhava, mas nenhum dos dois poderia imaginar que justo naquele local, se tornariam vítimas de tamanha violência.

Policiais da 22ª CIPM acompanham o caso. Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) encaminhou o corpo para o Instituto Médico Legal de Salvador, para exame necroscópico. Agentes da 22ª Delegacia Territorial investigam o caso. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) não confirmou o calibre da arma utilizada no crime. A autoria e motivação do homicídio seguem desconhecidas. [Do Simões Filho Online]

Nenhum comentário:

Postar um comentário