Feira-BA: Populares ateiam fogo em carro e moto de suspeito de matar jovem no bairro Mangabeira - MACAUBENSE LIFE

Agora

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Feira-BA: Populares ateiam fogo em carro e moto de suspeito de matar jovem no bairro Mangabeira


Nesta quarta-feira (26), populares incendiaram uma motocicleta na Rua Itacimirim no bairro Mangabeira em Feira de Santana. Segundo a polícia, o proprietário da moto é um homem suspeito de assassinar o jovem Tiago Góis dos Santos, de 23 anos, na manhã de domingo (25) na Rua Tupinambá, no mesmo bairro. 
O carro do suspeito também foi incendiado ontem e hoje a residência do suspeito foi arrombada. Vários pertences dele também foram levados. O suspeito fugiu da residência após praticar o crime. Um primo da vítima informou ao Acorda Cidade que uma discussão entre Tiago e o suspeito que é proprietário de um depósito de bebidas foi a motivação do assassinato. 

Tiago comemorava o Natal com a família, quando durante a madrugada decidiu sair para comprar bebidas no estabelecimento comercial do suspeito. Os dois discutiram e então homem entrou em casa e voltou com uma arma atirando em Tiago. Os tiros atingiram a cabeça e tórax. 


Populares e vizinhos, inconformados com o que aconteceu decidiram protestar incendiando a moto e carro do suspeito e arrombando a sua residência. O coronel Luziel Andrade, comandante do Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL), disse em entrevista ao Acorda Cidade que as pessoas que atearam fogo nos veículos e invadiram a casa do suspeito serão identificadas e responsabilizadas pelos seus atos. Para ele, um fato não justifica outro fato e não é dessa forma que o problema é resolvido.

 “A Polícia Civil já está trabalhando no sentido de identificar a autoria. No momento em que houve o incêndio do carro a polícia estava em perseguição ao autor do crime. Depois o carro foi encontrado pegando fogo. Além de causar um acidente, o comportamento de alguém que tirou a vida de outro não justifica outra pessoa, por esse motivo, praticar atos dessa forma. 

O autor vai responder pelo crime, bem como as pessoas que agiram dessa forma, até porque os vizinhos não têm nada a ver com o fato, nem as pessoas da família”, declarou. Luziel Andrade frisou ainda que o papel da polícia é manter a ordem e a tranquilidade das pessoas. Caso aconteça algum atentado contra a residência ou qualquer situação que seja, a polícia sendo acionada será fará presente.






Nenhum comentário:

Postar um comentário