Homem mata a ex porque ela não deixou de fazer programa - MACAUBENSE LIFE

Agora

sexta-feira, 29 de março de 2019

Homem mata a ex porque ela não deixou de fazer programa

O ex-namorado da garota de programa achada morta em quarto de hotel com marcas de violência, em Marília (SP), alegou à polícia que matou a mulher por ciúme e que havia terminado o relacionamento com ela há poucos dias porque ela não teria deixado de fazer programa.


Segundo a Polícia Civil, Gustavo Rodrigo Rodrigues Lopes, 36 anos, foi preso nesta quarta-feira (27/3), em Tupã (SP), depois de ter tido a prisão temporária decretada. Ana Paula Rodrigues, de 37 anos, estava hospedada no hotel há quase três meses e foi encontrada morta por funcionários do local.
O delegado da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) Wilson Tramontini, informou que, durante o depoimento, Gustavo contou que havia terminado seu relacionamento com Ana Paula após ter a surpreendido saindo de um outro hotel com um suposto “cliente”. No dia do crime, ele alegou que foi até o quarto da ex onde começaram a discutir.


“Ela teria dito que o amava, quando ele a agrediu com um soco. Para tentar se defender, Ana Paula teria pegado uma faca debaixo do travesseiro, quando ele tomou das mãos dela e passou a esfaqueá-la. Foram pelo menos quatro facadas na região do pescoço”, afirmou o delegado.
Ainda de acordo com o delegado, no depoimento o homem relatou que, ao perceber que outros hóspedes estariam abrindo a porta dos quartos para ouvir as discussões, ele terminou de matá-la por asfixia para que a vítima não tivesse como gritar por socorro.

Gustavo também relatou à polícia que depois de matar Ana Paula, ele foi para o seu quarto, tomou banho para tirar os vestígios de sangue, jogou a roupa ensanguentada e ainda, retornou do quarto da ex para pegar o celular, que jogou em uma caçamba. Em seguida, o suspeito fugiu para Tupã.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad