Corpo de Hiago é sepultado em Guanambi-BA, Polícia de Conquista segue investigando o caso. - MACAUBENSE LIFE

Agora

Post Top Ad

sábado, 9 de novembro de 2019

Corpo de Hiago é sepultado em Guanambi-BA, Polícia de Conquista segue investigando o caso.

O jovem de 24 anos que trabalhava como motorista por aplicativo na cidade de Vitória da Conquista, e foi achado carbonizado em uma estrada, foi enterrado na manhã deste sábado (9). O sepultamento de Hiago Evangelista Freitas ocorreu no cemitério municipal de Guanambi, cidade natal do jovem e a cerca de 276 km de Vitória da Conquista.


O jovem, que além de atuar como motorista de transporte por aplicativo, era estudante de odontologia, desapareceu após sair para fazer uma corrida. Ele foi encontrado morto no início da tarde de sexta-feira (8).

O velório de Hiago ocorreu em Vitória da Conquista, na noite de sexta-feira, na quadra da faculdade onde ele cursava o nono ano de odontologia.

“A gente estava com esperança de encontrar ele, dele estar bem. De repente, as esperanças foram por água abaixo. Está sendo muito doído”, disse Ananda Dias, colega de Hiago.

O delegado Fabiano Aurich, que é responsável pelo caso, informou que segue com as investigações do crime. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

Hiago desapareceu na noite de quarta-feira (6), após deixar a namorada em casa para fazer corridas no município. Uma colega de faculdade de Hiago contou que na quinta-feira (7) pela manhã, os colegas de sala sentiram a falta dele durante a apresentação de um trabalho.

“A gente estava se preparando para um seminário e ele não apareceu. Ele nunca foi de faltar. Foi o momento que a gente se desesperou, começou a ligar para a namorada , para saber a ausência dele naquele momento e foi aí que a gente começou a se preocupar”, contou Fernanda Fernandes.

O corpo de Hiago foi encontrado carbonizado, na estrada que liga o bairro de São Sebastião à cidade de Barra do Choça, que fica a cerca de 35 minutos de Vitória da Conquista.

Já o carro dele, usado para fazer o transporte por aplicativo, foi achado pela polícia no bairro Alto Maron, em Vitória da Conquista. De acordo com informações da delegacia da cidade, o carro de Hiago tinha um adesivo da empresa de aplicativo que ele trabalhava. Esse adesivo retirado do veículo e colado no corpo dele, fixado com uma pedra em cima.

O corpo de Hiago foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Vitória da Conquista, e foi reconhecido por familiares da vítima

A faculdade que Hiago estudava decretou luto oficial de três dias, sem suspensão das atividades. Em uma publicação nas redes sociais, a instituição escreveu que “toda a comunidade acadêmica se solidariza com a família neste momento de dor”. G1



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad