Amigo de Lázaro, homem que matou mãe e filha no DF é preso em LEM-BA. - MACAUBENSE LIFE

Agora

Post Top Ad

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2022

Amigo de Lázaro, homem que matou mãe e filha no DF é preso em LEM-BA.


A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu nesta terça-feira (8/2) Jeferson Barbosa dos Santos, 25 anos, foi encontrado em Luís Eduardo Magalhães (BA). Ele é suspeito de matar mãe e filha em uma cachoeira na região do Sol Nascente. As duas vítimas, Shirlene Ferreira da Silva, 38 anos, e Tauane Rebeca da Silva, 14, foram dadas como desaparecidas em 9 de dezembro último e encontradas no dia 20 do mesmo mês.

“Ele vai ser ouvido aqui. O Peralva e a equipe dele prenderam-no. Em cinco ou sete horas deve estar chegando. Ele estava numa fazenda. Fomos com um parente dele e ele já está vindo”, afirmou o delegado-chefe da 19ª Delegacia de Polícia (P Norte), Gustavo Araújo.

Shirlene e Tauane desapareceram quando saíram para tomar banho em um córrego. Os corpos, em avançado estado de decomposição, foram encontrados 11 dias depois, escondidos em um matagal.

Uma das hipóteses apuradas pela PCDF é a de que Jeferson Barbosa tenha tentado estuprar a adolescente. Shirlene Silva, que estava grávida de 4 meses, teria reagido e avançado no autor. A mãe tinha marcas que sugerem que ela tentou se defender.

O laudo feito pelo Instituto Médico Legal (IML) aponta que a gestante foi executada com 37 facadas. Um fato, entretanto, chamou a atenção dos investigadores: a única parte que não foi atingida pelos golpes foi o ventre da mulher.

A menor, que estava sem o short, foi esfaqueada e estrangulada. Há indícios de que ela tenha sido morta após a mãe ser assassinada, o que aponta para uma “queima de arquivo”. Exames indicam que as duas não foram abusadas sexualmente.

Jeferson era amigo próximo de Lázaro Barbosa, acusado de espalhar terror e morte no DF e no Entorno. Segundo investigadores da 19ª Delegacia de Polícia (Ceilândia), Jeferson Barbosa dos Santos, 25 anos, inclusive, se gabava da amizade que ele tinha com o maníaco, acusado de matar quatro pessoas em uma chácara no DF.

Barbosa morava próximo ao Córrego da Coruja, onde os corpos foram encontrados cobertos por folhas. O autor trabalhava com o irmão como carroceiro e catador de material reciclável.


Nenhum comentário:

Postar um comentário