Riachão das Neves-BA - Jovem de 25 anos comete suicídio com espingarda calibre 12. - Blog Macaubense Life

AGORA

Post Top Ad

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Riachão das Neves-BA - Jovem de 25 anos comete suicídio com espingarda calibre 12.

Gilberto Santana Souza de 25 anos, natural de Riachão das Neves/BA, união estável deixa esposa e uma criancinha pequena. Trabalhava em uma chácara em Barreiras. Trabalhador aplicado e de confiança de seu patrão.

Acontecimento:
Segundo informações, recentemente Gilberto no trabalho, envolveu-se em um acidente de trânsito onde colidiu a caminhonete do patrão contra uma carreta. Os danos materiais ficaram sobre suas costas.

Conforme informação passada por seu pai em entrevista, Gilberto um jovem trabalhador que ganhava um salário mínimo teria que aceitar o desconto de mais de 50 % de seu salário até saldar o prejuízo.

Gilberto em desespero teria ligado para a esposa argumentando que não teria condições de criar sua família, e então suicidou-se com um tiro de espingarda cal. 12 no tórax. Fato infelizmente ocorrido na noite desta segunda-feira (16) na chácara onde trabalhava.

Seu corpo foi necropsiado no IML de Barreiras e será sepultado em Cariparé município de Riachão das Neves. O patrão do Gilberto conforme comentou o pai da vítima, dispôs ajudar em todo trâmite do funeral. Salienta também que tinha muita confiança e gostava de seu funcionário. [Fonte e foto: BlogBraga/ Repórter Paiva]

8 comentários:

  1. O Patrão gostava tanto que descontava 50% do salário do rapaz .

    ResponderExcluir
  2. Triste viu essa notícia....O patrão sera que não ficou com a consciência pesada será que vai dormir tranquilo?
    Meus sentimentos a familiaa.

    ResponderExcluir
  3. O patrão dele tratava ele tão mal chingava ele de todo nome

    ResponderExcluir
  4. Muito triste si ele gosta tanto do seu funcionário ele é compreender não ia desconta 50% de um funcionário que ganhava um salário mínimo eu no lugar dele Tavares com a consciência pesadíssima.meus sentimentos a famílias

    ResponderExcluir
  5. Muito triste si ele gosta tanto do seu funcionário ele é compreender não ia desconta 50% de um funcionário que ganhava um salário mínimo eu no lugar dele Tavares com a consciência pesadíssima.meus sentimentos a famílias

    ResponderExcluir
  6. Namoral. Gente o patrão tá serto em descontar . Ele não nadou o cara atirar nele não. Isso é cão q atentar. Mas ele podia descontar menos. Ums 25% mas não põem a culpa no patrão não! Ele não é o culpado!

    ResponderExcluir
  7. o safado do patrão era pra ter seguro na porcaria da caminhonete, se o infeliz que se suicidou estava á trabalho então a família deverá mover processo trabalhista contra o mesmo , pois por acaso funcionário foi contratado como motorista?,e que todos os dias da vida desse "patrão " seja marcado por essa miséria que aconteceu em seus domínios

    ResponderExcluir
  8. Tá aí algo que agente nem acredito.
    Oque será da esposa dele da filha .
    O patrão desconta mais de 50% ele queria que o cara passa-se a vida toda sendo praticamente escravo. Sem da um futuro para sua filha ou garanti o pão para sua esposa.
    Esse é nosso Brasil e quem comenta que concordar com um absurdo desse faça me um favor e não se diz servi a bandeira do Brasil.

    ResponderExcluir

Páginas do Blog