Ilhéus: Vítima diz que foragido pedia desculpas e falava que não lembrava após agressões - MACAUBENSE LIFE

Agora

Post Top Ad

domingo, 18 de outubro de 2020

Ilhéus: Vítima diz que foragido pedia desculpas e falava que não lembrava após agressões

Franciele Azevedo, de 26 anos, agredida pelo ex-namorado em um caso que chamou a atenção no país, falou pela primeira vez sobre o episódio. Em post em uma rede social, a mulher disse que Carlos Samuel Freitas costumava pedir desculpas quando cometia alguma agressão e ainda dizia que não se lembrava do que tinha feito. Azevedo contou que vivia um relacionamento abusivo com várias agressões. Até este sábado (17), o acusado não foi localizado. Ele já é considerado foragido da Justiça após ter a prisão preventiva decretada pela Justiça.

"Me chamo FRANCIELE AZEVEDO o vídeo que está circulando, onde apareço sendo agredida sou eu. Portanto demorei para me posicionar pelo fato, que sempre achava ele iria mudar onde permaneci por um tempo no relacionamento abusivo, pois o mesmo depois de todas as vezes que me agredia me pedia desculpas e falava que não lembrava o que tinha feito e nem o porque tinha feito e no final a culpa era sempre minha", desabafou a mulher em post feito na noite desta sexta-feira (16).

Franciele relatou ainda que tem dificuldade para falar sobre as agressões, que deixaram dores físicas e emocionais também. "Não é fácil para mim vim aqui falar sobre esse assunto onde várias pessoas me julgam, como se eu merecesse e sempre me culpando pelas as agressões, minha única culpa foi pensar que um dia ele mudaria, mas não mudou. Onde sofri pressões psicológicas, sigo hoje cheio de problemas e dores que essas agressões me causaram", disse. Ao G1, ela disse que conheceu Carlos Samuel pelas redes sociais, no final do mês de março deste ano. No início do relacionamento, segundo ela, o homem não tinha comportamento agressivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad