BAHIA: Jovem de 19 anos é brutalmente assassinada a pauladas no Centro de Itabuna - MACAUBENSE LIFE

Agora

Post Top Ad

quarta-feira, 24 de março de 2021

BAHIA: Jovem de 19 anos é brutalmente assassinada a pauladas no Centro de Itabuna


Na madrugada desta terça-feira (23), por volta das 02h, uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna foi acionada para realizar perícia e remoção do corpo da jovem identificada como Maria Vitória, 19 anos.

Ela foi encontrada morta em via pública, debaixo de uma marquise, na Rua Sóstenes de Miranda, no Centro de Itabuna, nas imediações do Colégio Divina Providência. O corpo da jovem estava bastante machucado, tendo sido assassinada a pauladas. O companheiro da vítima, identificado como Mateus, foi quem avisou à família da vítima, e à polícia.

Mateus contou que foi ameaçado de morte por um indivíduo, ainda na noite desta terça-feira, e que mais tarde, já teria encontrado Maria Vitória morta. Ele também teria encontrado o pedaço de madeira utilizado para assassinar a jovem, e indicou à polícia onde estava a arma do crime. Mateus confessou ser usuário de drogas, assim como a companheira assassinada.

É possível que Maria Vitória tenha recebido o primeiro golpe, ainda enquanto dormia. Mateus contou ao Verdinho Itabuna, que quando foi avisar a família da jovem, no bairro Califórnia, sobre o ocorrido, os parentes dela o culparam do crime, o que ele, efetivamente, negou à polícia. Chorando bastante, Mateus foi ouvido pela Polícia Civil, e posteriormente, liberado.

Um tio de Mateus contou ao Verdinho Itabuna que deu carona ao sobrinho, até a casa dos parentes de Maria Vitória, no bairro Califórnia, e que quando saíram de lá, teriam sido perseguidos e ameaçados por dois homens à bordo de uma motocicleta, segundo ele, parentes da vítima, revoltados, por achar que Mateus seria o assassino da jovem. Ele relatou que foram perseguidos até o momento em que chegaram ao local do crime, onde estavam os policiais.

O tio afirmou ainda que Mateus não pode ter sido o responsável pelo assassinato, já que ele e a vítima dormiam em lugares separados, no momento do crime. De acordo com esse relato do tio, Mateus foi acordado por outros moradores de rua, que lhe avisaram sobre o assassinato da companheira.

Uma bolsa com alguns pertences pessoais foi encontrada ao lado do corpo da vítima. A jovem tinha tatuagens como os nomes "Mãe" e "Renata". A Polícia Civil investiga o caso. //VerdinhoItabuna


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad